Notícias

Apac avança em projeto de cooperação técnica com universidades norte-americanas

O projeto consiste na utilização de ferramentas integradas e adoção das melhores práticas mundiais para apoiar a gestão estratégica das águas em Pernambuco. (Foto: Camila Alves/ Divulgação)

Com recursos de US$ 1 milhão do BID, a vinculada da Secretaria de Desenvolvimento Econômico contará com consultores técnicos para implantação de um sistema de gerenciamento dos recursos hídricos

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDEC), iniciou as definições para assinatura de um projeto de cooperação técnica com universidades norte-americanas para gerenciamento dos recursos hídricos de Pernambuco.

Na última semana, o diretor presidente da APAC, Marcelo Asfora, se reuniu, via videoconferência, com diretores do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Também chamado de Technical Cooperation (TC), o projeto prevê US$ 1 milhão em investimentos.
O TC já está na etapa de contratação de consultores técnicos da Arizona State University e da Columbia University, de Nova Iorque. Juntamente com o corpo técnico da APAC, eles atuarão no desenvolvimento de um sistema de Suporte às Decisões para Gerenciamento dos Recursos Hídricos de Pernambuco.

O projeto consiste na utilização de ferramentas integradas e adoção das melhores práticas mundiais para apoiar a gestão estratégica das águas no Estado. O trabalho é fundamental para Pernambuco, que precisa lidar com uma grande variabilidade de mudanças climáticas, especialmente com secas e inundações.

O Sistema é estruturado por três eixos básicos: uma Ferramenta de Simulação para o equilíbrio da Água no Estado; a Gestão de Reservatórios de Águas e Métodos de Alocação e Implementação; e uma Plataforma de Apoio à Tomada de Decisão, a Gestão dos Reservatórios, de Gestão da Seca e de Alterações Climáticas.

O projeto ainda prevê a implementação da Sala de Situação, onde poderá ser monitorado em tempo real e de forma integrada os reservatórios e as previsões metereológicas do Estado.

Tags: água, Apac, BID, Cooperação técnica, SDEC

Voltar para a página de Notícias