28° C

Notícias

Notícias

Pernambuco instaura comitê especial para monitorar abastecimento de alimentos e produtos essenciais no comércio

Abastecimento nos supermercados, farmácias e demais estabelecimentos comerciais será monitorado diariamente pelo poder público estadual

SITE COLETIVA HEUDES

 

O grupo de trabalho será capitaneado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, juntamente com as secretarias de Planejamento e Gestão, de Desenvolvimento Agrário e de Trabalho, Emprego e Qualificação. Entre os membros que integram o comitê no âmbito privado, estão a Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio-PE), a Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores (Aspa), a Associação Pernambucana de Supermercados (Apes) e a Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife (CDL-Recife).

Os representantes do setor produtivo destacam que não há riscos de desabastecimento no Estado. A recomendação à população é a de se manter a rotina habitual de compras, sem a necessidade de estoque e obedecendo às orientações preventivas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no que diz respeito aos cuidados em ambientes públicos.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, explica que o Comitê Especial de Abastecimento funcionará como base de dados para o Comitê Estadual Socioeconômico de Enfrentamento à Covid-19, implementado pelo governador Paulo Câmara por meio de decreto (n° 48.810), publicado no dia 16 de março. O objetivo é que o abastecimento ao comércio em todos os níveis, envolvendo diversos segmentos, ocorra de forma estruturada e perene enquanto durar a crise provocada pela disseminação da Covid-19 no País.

Todos os agentes do comitê fornecerão atualizações dos seus setores, para que seja acompanhada a oferta de produtos nas gôndolas em todo território pernambucano, assim como o fornecimento de insumos à indústria local, inclusive o desembaraço de cargas importadas. O Complexo Industrial Portuário de Suape e o Tecon Suape também são integrantes do comitê especial.

A rotina do agronegócio, cujos produtos são mais perecíveis e sensíveis a variações de preço, será igualmente acompanhada pelo novo grupo de trabalho. “Estamos em fase de enfrentamento a um problema global. Ainda que o abastecimento não esteja sendo comprometido nesse momento, precisamos monitorar, pois não há precedentes de eventualidades desse perfil. Caso surjam os problemas, as respostas precisam ser imediatas”, reforça Schwambach.

Abaixo, segue a relação de membros do Comitê Especial de Abastecimento:

Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sdec)

  1. Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag)
  2. Secretaria de Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq)
  3. Secretaria de Desenvolvimento Agrário
  4. Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper) 
  5. Suape - Complexo Industrial Portuário Governador Eraldo Gueiros
  6. Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (Ceasa-PE)
  7. Procon Pernambuco
  8. Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife (CDL-Recife)
  9. Federação das CDLs de Pernambuco (FCDL-PE)
  10. Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Pernambuco (Fecomércio-PE)
  11. Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe)
  12. Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores (Aspa)
  13. Associação Pernambucana de Supermercados (Apes)
  14. Tecon Suape