28° C

Notícias

Notícias

Ypê chega a Pernambuco com perspectiva de gerar 700 novos empregos, entre postos diretos e indiretos

Viabilizado por meio das políticas de atração de investimentos do Governo do Estado, empreendimento consiste em fábrica e centro de distribuição para atender às regiões Norte e Nordeste com materiais de limpeza para casa, cuidados com roupas e higiene pessoal

A indústria de Pernambuco contará com mais uma marca de peso. A Ypê, empresa nacional presente em 98% dos lares brasileiros com produtos de higiene e limpeza, é a
115ª empresa a anunciar novos investimentos ou iniciar as suas operações no Estado em 2019. O empreendimento, que contempla fábrica e centro de distribuição (CD), ficará no município de Itapissuma, Região Metropolitana do Recife (RMR). O projeto faz parte do plano de expansão da empresa no Brasil e coloca Pernambuco na estratégia de produção e distribuição do portfólio da Ypê nas regiões Norte e Nordeste. A operação deve começar em 2022, gerando 700 empregos, entre diretos e indiretos, na fabricação de artigos de higiene e limpeza.

O protocolo de intenções para construção da fábrica e do CD foi assinado nesta quinta-feira (19) pelo governador Paulo Câmara e pelo presidente da empresa, Waldir Beira Júnior, no Palácio do Campo das Princesas. O encontro para formalizar o investimento também contou com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach; do secretário da Fazenda, Décio Padilha; do presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), Roberto Abreu e Lima; e do presidente do Complexo de Suape, Leonardo Cerquinho, que articularam a atração do investimento, além de consultores contratados pela empresa.

A Ypê, que tem quase 70 anos de presença no mercado brasileiro e agrega mais de 5 mil colaboradores em todo o País, contará com incentivos fiscais do Programa de Desenvolvimento do Estado de Pernambuco (Prodepe), que garante crédito presumido de 85% no saldo do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). O benefício é válido por 12 anos e renováveis por igual período - neste caso, pode ser concedido a empresas cujo investimento superam os R$ 100 milhões. O Prodepe é executado pela AD Diper, sob o guarda-chuva da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (Sdec). “É um investimento significativo, com grande geração de emprego. Ao mesmo tempo é a consolidação de Itapissuma e de todos os municípios do Litoral Norte como potenciais locais para atração de negócios. Mais uma vez estamos mostrando que sabemos ser parceiros e as empresas estão investindo e potencializando a grande qualidade daqui, que é ter um povo trabalhador e guerreiro”, afirmou Paulo Câmara.

Segundo o empresário Waldir Beira Júnior, o investimento da Ypê reafirma a atenção para o Nordeste e, mais do que nunca, a aposta do grupo no mercado nacional. “Estaremos completando 70 anos no próximo ano. Atualmente temos cinco plantas, com cinco mil funcionários. Mas encerraremos o mês de janeiro com 6.400, dada a grande absorção de mão de obra a ser efetivada agora. Então, acima de tudo, somos uma empresa que acreditamos no Brasil e temos todas as nossas fichas aqui. Portanto, todo o compromisso para fazer esse país dar certo”, afirmou o CEO da empresa. A Ypê possui cerca de 350 itens em seu portfólio, vendidos sob marcas como Atol, Assolan, Tixan e Perfex.

Para o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, a atração de mais uma indústria de porte nacional para Itapissuma, município que conta com forte presença do segmento de alimentos e bebidas, reforça a competitividade do polo industrial pernambucano e a diversidade de seu perfil. Para se ter uma ideia, 54,4% do Valor Adicionado Bruto (VAB) do PIB da cidade é referente às atividades industriais.

“O polo cervejeiro que se formou em Itapissuma, com a presença de indústrias como a Ambev e o
Grupo Petrópolis, é só uma prova do potencial daquela região e da nossa política ativa de diálogo com o setor privado. Em uma distância de pouco mais de 30 quilômetros temos também o polo automotivo, com a Jeep e os seus fornecedores. A chegada da Ypê, com fábrica e centro de distribuição, é mais um grande diferencial para o Estado e sua vocação como hub do Nordeste”, reforça Schwambach.

O secretário acrescenta que a marca deste novo empreendimento será a modernização da planta, inclusive em relação à matriz, localizada em Amparo (SP). “A Ypê já opera no Nordeste por meio da planta que a empresa tem na Bahia, mas lá foi um arrendamento. Bem diferente do que está sendo planejado para cá”, pontua. Presidente da AD Diper, Roberto Abreu e Lima destaca que, com o anúncio da Ypê, o Governo de Pernambuco reforça o conjunto de marcas fabricantes de produtos de limpeza instaladas no Estado
e o consolida como destaque em território nordestino. “Conquistamos o líder nacional nos segmentos lava-louças líquido e sabão em barra, após um ano de negociações bastante criteriosas. Além disso, a instalação da fábrica em Itapissuma contribui fortemente com a estratégia de espalhar a instalação de empreendimentos para além da parte Sul do Grande Recife”, avalia o executivo.

A AD Diper capitaneou, ao longo deste ano, cinco reuniões do Conselho Estadual de Políticas Industrial, Comercial e de Serviços (Condic), colegiado que avalia os projetos para instalação de novos empreendimentos no Estado, via concessão de incentivos fiscais. Até o momento, foram aprovados 98 projetos, sendo 49 para indústrias, 30 de importadoras e 19 de centrais de distribuição. A última reunião de 2019 será no dia 26 de dezembro. O projeto da Ypê, por sua vez, deverá entrar no cronograma de março de 2020.

Sobre a empresa
A Ypê é uma empresa 100% brasileira e iniciou suas atividades em Amparo, interior de São Paulo, em 1950. A fábrica pernambucana será a sexta no País e a segunda no Nordeste - a primeira da região fica em Simões Filho, na Bahia. Hoje, possui plantas fabris e CDs em Amparo (SP), Salto (SP), Simões Filho (BA), Anápolis (GO) e Goiânia (GO). A Ypê atua no segmento de higiene e limpeza no Brasil, em três categorias: limpeza da casa, cuidado com a roupa e higiene corporal. Além de atender o mercado brasileiro, exporta para mais de 20 países da América Latina, Ásia, África e Oriente Médio.